O seu navegador não é compatível. O site TripAdvisor poderá não ser exibido corretamente.Aceitamos os seguintes navegadores:
Windows: Internet Explorer, Mozilla Firefox, Google Chrome. Mac: Safari.
Reserve com antecedência
  
traduzido por Google
Formas de explorar Museu Chácara do Céu
a partir de US$ 50,00
Mais informações
a partir de US$ 85,00
Mais informações
a partir de US$ 95,00
Mais informações
a partir de US$ 119,00
Mais informações
Avaliações (209)
Filtrar avaliações
209 resultados
Pontuação dos viajantes
95
86
25
2
1
Tipo de viajante
Época do ano
IdiomaTodos os idiomas
Mais idiomas
Pontuação dos viajantes
95
86
25
2
1
Veja a opinião dos viajantes:
Filtros selecionados
Filtrar
Atualizando...
7 a 12 de 209 avaliações
Publicada em 24 de junho de 2018 via dispositivo móvel

A casa é linda os jardins muito bem cuidados e o acervo de arte é muito bom. Vale muito a visita e ao lado não drixe de visitar o parque das ruínas.

Data da experiência: junho de 2018
Obrigado, marisallima
Esta avaliação representa a opinião subjetiva de um membro do programa TripAdvisor e não da TripAdvisor LLC.
Publicada em 20 de janeiro de 2018 via dispositivo móvel

Dentre tantos pontos turisticos, essa foi uma descoberta maravilhosa, numa combinação perfeita de paisagem, area verde, edificação e sobretudo o rico acervo, afinal a casa pertenceu a um pouco importante mecenas, que teve Di Cavalcanti como amigo intimo. São obras de Volpi, Picasso e tantos outros. Maravilha! Imperdivel! Voltarei!

Data da experiência: janeiro de 2018
1  Obrigado, Marília G
Esta avaliação representa a opinião subjetiva de um membro do programa TripAdvisor e não da TripAdvisor LLC.
Publicada em 19 de janeiro de 2018

Esta casa foi construída num estranho estilo modernista, pelo empresário e mecenas das artes do Rio de Janeiro, Raimundo Otoni de Castro Maya. Esta casa era a residência permanente dele e abriga a sua coleção de pintores europeus e brasileiros, com destaque para as clássicas aquarelas de Debret que estão disponíveis para visita. O jardim oferece vistas espetaculares para o centro do Rio. Há uma pasagem que liga a Cháchara do Céu com a Casa da Ruína, em cuja torre pode se ver ainda melhor toda a baía de Guanabara. Pena que o museu tenha sido assaltado há alguns anos atrás e que obras de Picasso e Dali tenham desaparecido e nunca mais recuperadas.

Data da experiência: abril de 2017
2  Obrigado, candido2018
Esta avaliação representa a opinião subjetiva de um membro do programa TripAdvisor e não da TripAdvisor LLC.
Publicada em 16 de janeiro de 2018 via dispositivo móvel

O museu foi uma grata surpresa.
Havia uma exposição sazonal (sobre o "povo Insônia" de Toz), que permeou a exposição permanente do museu.
Além disso a exposição permanente tem obras e desenhos de Portinari, Debret e objetos do início do século XX.

Data da experiência: janeiro de 2018
Obrigado, LittaM
Esta avaliação representa a opinião subjetiva de um membro do programa TripAdvisor e não da TripAdvisor LLC.
Publicada em 4 de janeiro de 2018 via dispositivo móvel

Estava indo para o parque das ruínas, por estar fechado resolvemos subir mais um pouco para pedir informações e por sorte encontramos o museu, que se encontra bem ao lado. O ambiente é super agradável, as exposições te fazem imergir na cena que está acontecendo, e a vista do local é simplesmente maravilhosa

Data da experiência: janeiro de 2018
Obrigado, marianam201
Esta avaliação representa a opinião subjetiva de um membro do programa TripAdvisor e não da TripAdvisor LLC.
Veja mais avaliações