O seu navegador não é compatível. O site TripAdvisor poderá não ser exibido corretamente.Aceitamos os seguintes navegadores:
Windows: Internet Explorer, Mozilla Firefox, Google Chrome. Mac: Safari.

Churrascaria Majórica

Rua Senador Vergueiro, 11 15, Rio de Janeiro, Estado do Rio de Janeiro 22230-000, Brasil
21 2205 - 6820
Site
Compartilhar
A atualização do mapa foi interrompida. Aumente o zoom para ver as informações atualizadas.
Redefinir o zoom
Atualizando mapa…
Bairros
Bairros
Visão geral
  • Excelente56%
  • Muito bom33%
  • Razoável8%
  • Ruim2%
  • Horrível1%
Aberto agora
Horário de funcionamento
COZINHAS
Steakhouse, Brasileira, Churrasco, Sul-americana
PREÇO
$$ - $$$
PONTUAÇÕES
Comida
Serviço
Preço
Ambiente
LOCALIZAÇÃO
Rua Senador Vergueiro, 11 15, Rio de Janeiro, Estado do Rio de Janeiro 22230-000, Brasil
Todos os detalhes
Faça uma avaliaçãoAvaliações (1.175)
Pontuação dos viajantes
Tipo de viajante
Época do ano
Idioma
  • Mais idiomas

1 a 10 de 981 avaliações

Publicada há 4 dias

Sempre ótimas carnes e atendimento. Mas o vinho mais barato da carta custa mais de R$ 100,00, não é razoável.

Obrigado, 150renatom
Publicada há 6 dias via dispositivo móvel

Atendimento impecável, comida sempre muito boa e ambiente muito aconchegante Com certeza vale a pena conhecer e virar cliente !

Obrigado, Lebrao
Publicada há 1 semana

Essea não é uma churrascaria rodízio. No entanto possui a melhor carne. A picanha é saborosíssima. Recomendo também a farofa de ovo e as batatas estufadas.

Obrigado, Ignez V
Publicada há 1 semana

Tradicional restaurante carioca. Carne de primeira e uma batata de comer rezando!!! Mesmo com fila de espera, vale a pena aguardar, pois o atendimento é rápido. Ambiente amplo e alegre. Ideal para famílias e amigos.

Obrigado, Ruth S
Publicada há 1 semana

Vou lá esporadicamente e nunca tive má experiência. Não recordo os pratos que já pedi, mas foram sempre na brasa e estavam muito bons.

Obrigado, Freedom19776862800
Publicada há 2 semanas via dispositivo móvel

Primeira vez na casa. Ambiente muito agradável, espaçoso, bem organizado e equipe atenciosa. Carta de vinhos muito qualificada e variada. Picanha com ótimo preparo e saborosa. 4,5

Obrigado, taligadomalandragemm
Publicada há 3 semanas

A Majórica é uma das melhores churrascarias do Rio de Janeiro, sob a maestria dos Maitres e Sommeliers Edvaldo e Silvio. O ambiente é amplo com vários ambientes e o cardápio é bem diversificado.

Obrigado, Cristiane M
Publicada há 3 semanas via dispositivo móvel

Melhor que a majorica so com os gauchos no Rio Grande do Sul!! Delicia! Amo demias... Venho nesse restaurante desde pequena com meus pais!! Quando for pedir acompanhamentos deixe o arroz de lado... Peça a farofa de ovo!!!!! MARAVILHOSO

Obrigado, eduardacsales
Publicada há 4 semanas via dispositivo móvel

Ambiente familiar e agradável. Atendimento ágil, preciso e cortês. Carne nota 1000 e chopp super gelado e bem tirado.

Obrigado, Cesar1235
Publicada há 5 semanas via dispositivo móvel

Pratos de carnes muito saborosos! A picanha com farofa de ovos e as batatas fritas portuguesas são deliciosas! Atendimento bom, ambiente agradável e preços salgadinhos!

Obrigado, JaneteHer
Perto
Hotéis próximosRio de Janeiro: veja todos os 284 hotéis
Hotel Barão do Flamengo
57 avaliações
0,08 km de distância
Argentina Hotel
249 avaliações
0,36 km de distância
Scorial Rio Hotel
446 avaliações
0,53 km de distância
Royal Regency Palace Hotel
133 avaliações
0,55 km de distância
Restaurantes próximos
Tacacá do Norte
242 avaliações
0,08 km de distância
Café Lamas
653 avaliações
0,11 km de distância
Samurai San
88 avaliações
0,11 km de distância
Atrações próximas
Praça São Salvador
162 avaliações
0,41 km de distância
Oi Futuro - Flamengo
84 avaliações
0,41 km de distância
Museu das Telecomunicações
37 avaliações
0,41 km de distância
Largo do Machado
32 avaliações
0,45 km de distância
Faça uma pergunta
Perguntas e respostas
maricaroline23
30 de março de 2018|
ResponderMostrar 4 respostas
Resposta de imacedo_2 | Avaliou este estabelecimento |
Bom dia. Na faixa de 100 reais.
0
votos
Jamerson M
16 de março de 2018|
ResponderMostrar 2 respostas
Resposta de Profemano | Avaliou este estabelecimento |
Entre 150 e 200 reais por pessoa.
0
votos
Aprimorar perfil

Detalhes do restaurante

Resumo das pontuações
  • Comida
    Serviço
  • Preço
    Ambiente
Cozinha
Refeições
Almoço, Jantar, Aberto até tarde
Características
Para levar, Reservas, Lugares para sentar, Garçons, Estacionamento com manobrista, Cadeiras para bebês, Acesso para cadeirantes, Serve bebida alcoólica, Bar completo, Wi-fi gratuito
Bom para
Reunião de negócios, Crianças, Famílias com crianças, Grupos grandes, Cozinha local, Ocasiões especiais
Horários de funcionamento
Domingo
12:00 - 00:00
Segunda-feira
12:00 - 00:00
Terça-feira
12:00 - 00:00
Quarta-feira
12:00 - 00:00
Quinta-feira
12:00 - 00:00
Sexta-feira
12:00 - 01:00
Sábado
12:00 - 01:00
Informações de contato e local
  • Endereço: Rua Senador Vergueiro, 11 15, Rio de Janeiro, Estado do Rio de Janeiro 22230-000, Brasil
  • Localização: América do Sul  >  Brasil  >  Estado do Rio de Janeiro (RJ)  >  Rio de Janeiro
  • Número de telefone: 21 2205 - 6820
  • Email
Descrição
“Os animais pastam; os homens comem. Mas só o homem de espírito sabe comer”. Famosa, a frase foi dita no início do século passado por Brillat-Savarin, um dos maiores gastrônomos do mundo. Mas se todas as sociedades comem para se alimentar, algumas delas acordam importância ao bem-comer. No Brasil, começamos tarde. Foi preciso a abertura dos portos, assinada em 1808 pelo futuro D. João VI, para transformar os hábitos alimentares. Os jornais publicados na Corte traziam os primeiros anúncios indicando mudanças. Mudanças na cozinha, com a adoção de artigos de cutelaria inglesa, como facas diversas. Mudanças nos serviços de mesa, com a venda de aparelhos de jantar, oferecidos de porta em porta, por viajantes recém-chegados da Europa e transportados na cabeça dos escravos sobre amplas bandejas. E no uso de talheres que vão lentamente substituindo o uso das mãos e, conseqüentemente, das bacias e jarras com as quais eram lavadas antes e depois das refeições. A mesa passa a engordar com manteigas e queijos importados, frutas secas, chocolate da Espanha, presuntos de York, bebidas finas e farinhas de trigo. O italiano Barbon, por exemplo, vendia na Rua dos Latoeiros, embutidos segundo o “uso da Itália”, ou seja, salames e codeguinos.Em meados do século XIX, casas de pasto começam a atrair a clientela masculina – mulheres não saíam de casa, só para a missa - concorrendo com a cozinha caseira. Elas se multiplicam, perto do porto e nelas, a exemplo do Hotel Royaume du Brésil – era possível comer um “beefsteack e tomar um copo de vinho” a 160 réis. Empregados circulavam servindo limonadas, claretes ingleses, Portos portugueses, cervejas suecas, a porter, que afogavam docemente, o hábito do consumo de licor de caju e cachaça. Penso nas mudanças a cada vez que piso na Majórica, ela que é parte da história de nossa cidade e de nossa alimentação. Só que inserida no capítulo “comer bem”. Freqüentada por grandes intelectuais, políticos e artistas como Caetano Velloso, Carlos Lessa, Antonio Cícero, Eucanaã Ferraz, José Neumâne, Anselmo Góis, José Mário Pereira entre outros, sua mesa é sinônimo de bom apetite, gosto harmonioso, bom humor, prazer e simpatia. Razão bastante para estar lá, sempre que se quer ser um “homem de espírito”.Mary Del Priore, cliente à muitos anos.
Este é o seu perfil no TripAdvisor?
Você é o proprietário ou o gerente deste estabelecimento? Solicite o seu perfil gratuito para responder a avaliações, atualizar o seu perfil e muito mais. Solicite o seu perfil