O seu navegador não é compatível. O site TripAdvisor poderá não ser exibido corretamente.Aceitamos os seguintes navegadores:
Windows: Internet Explorer, Mozilla Firefox, Google Chrome. Mac: Safari.

Namgyal Tsemo Gompa

N.º 16 de 69 atividades em Leh
Aberto agora: 00:00 - 23:59
Aberto hoje: 00:00 - 23:59
Destaques da avaliação
Visual lindo

Já quando prestes a aterrizar em Leh, o visual do Castelo em Tsemo me impressionou. Visto do pé do... leia mais

Publicada em 29 de maio de 2015
Jeri Pousada R
,
jericoacoara
Silêncio das montanhas

O passeio vale a pena ao menos pela bela vista de Leh, se decidir ir à pé é melhor que vá sentindo... leia mais

Publicada em 13 de setembro de 2014
Adwaita O
,
Alto Paraíso de Goiás, GO
Leia todas as 105 avaliações
91
Todas as fotos (91)
Tela cheia
Certificado de Excelência
Veredicto dos viajantes
  • Excelente43%
  • Muito bom47%
  • Razoável8%
  • Ruim1%
  • Horrível1%
Sobre
Aberto agora
Horários hoje: 00:00 - 23:59
Ver todos os horários
Contato
| Namgyal Hill, Leh 194101, Índia
Aprimore o perfil
traduzido por Google
Excursões e atividades mais vendidas em: Leh
a partir de US$ 44,00
Mais informações
a partir de US$ 59,00
Mais informações
a partir de US$ 29,00
Mais informações
a partir de US$ 37,00
Mais informações
Avaliações (105)
Filtrar avaliações
11 resultados
Pontuação dos viajantes
6
4
1
0
0
Tipo de viajante
Época do ano
IdiomaPortuguês
Mais idiomas
6
4
1
0
0
Veja a opinião dos viajantes:
Filtrarportuguês
Atualizando...
1 a 10 de 11 avaliações
Publicada em 29 de maio de 2015

Já quando prestes a aterrizar em Leh, o visual do Castelo em Tsemo me impressionou. Visto do pé do morro, com as montanhas do Himalaia ao fundo, me impressionou mais ainda. De perto, a construção não é nada especial mas, como fica no topo de...Mais

Data da experiência: maio de 2015
Obrigado, Jeri Pousada R
Publicada em 13 de setembro de 2014

O passeio vale a pena ao menos pela bela vista de Leh, se decidir ir à pé é melhor que vá sentindo a respiração, indo de pouco a pouco, pois o ar é bem rarefeito.

Data da experiência: julho de 2014
Obrigado, Adwaita O
Publicada em 27 de agosto de 2014

No alto das montanhas, esse monastério nos presenteia com uma vista panorâmica de Leh, uma das paisagens mais lindas que já vi na vida. O monastério tem uma energia muito forte dos Mahakalas e divindades iradas com rostos cobertos.

Data da experiência: julho de 2014
1  Obrigado, gangadhara_matri
Publicada em 16 de agosto de 2014

Para quem tem medo de altura, nem vá. Este monastério é um dos mais altos da região de Leh. Construido no topo de uma montanha dá para ver toda a cidade de Leh. Uma opção é ir de taxi e voltar a pé por um...Mais

Data da experiência: julho de 2014
Obrigado, rasmaniv
Publicada em 29 de julho de 2014

Um lugar muito especial, com uma vista maravilhosa e marcante da cidade e montanhas, levem câmera fotográfica.

Data da experiência: julho de 2014
Obrigado, Shunya d
Publicada em 24 de julho de 2014

No alto da mntanha da para ver o centro comercial de Leh la de cima. Neste monastério existem divindades iradas que tem seu rosto tampado, e são abertos apenas uma semana por ano em um festival que acontece em setembro.

Data da experiência: julho de 2014
Obrigado, Saulo A
Publicada em 20 de julho de 2014

É possível subir a esse monastério a pé ou de carro. O caminho pela estrada é bem mais longo; a pé, você pode encontrar a trilha logo atrás da avenida principal (há sinalização escrita pelo caminho, de forma inusitada - nas paredes, postes, latas de...Mais

Data da experiência: julho de 2014
Obrigado, Carolina_Rolim
Essas avaliações foram traduzidas do inglês automaticamente. Mostrar traduções automáticas?
Publicada em 6 de julho de 2014

King Tashi Namgyal (1520-1540) conseguiu repelem raiders mais centrais asiáticas, e construído Namgyal Tsemo forte na parte superior do Namgyal Pico em Leh. Ele construiu o Tsemo Goenkhang (templo de protetor) aqui depois de sua vitória sobre um exército de invasores Yarkand em 1532. mais...cedo Tragspa Bumde (1400-1440) tinha construído o Tsemo Maitreya templo aqui. A subida é cansativo, mas a vista da parte superior vale a pena todo o esforço. O Gompa não está sempre aberta. Para confirmar o tempo antes de iniciar a caminhadaMais

Data da experiência: junho de 2014
Publicada em 26 de dezembro de 2013

Vale o esforço para vir aqui para o vista sobre a cidade de Leh e a vista de Leh Palace de acima. Não é possível ir para dentro dos edifícios exceto talvez por acordo especial.

Data da experiência: dezembro de 2013
Publicada em 28 de outubro de 2013

O Namgyal Tsemo Gompa foi construído em 1430 pelo Rei Tashi Namgyal Namgyal Tsemo no pico. O monastério contém uma três andares estátua de Buda de ouro chamado rindo do Buda, juntamente com os manuscritos e pinturas antigas. O fort acima este mosteiro é destruída,...mas as vistas de Leh daqui são incrivelmente bela. Os templos associados aqui permanecem intactos, mas eles são mantidas trancadas excepto durante a manhã e à noite quando um monge consumido pelas canseiras para as colinas de Sankar Gompa para adorar as estátuas.Mais

Data da experiência: outubro de 2013
Veja mais avaliações
Perto
Hotéis próximosVeja todos os 80 hotéis perto
Hotel Chube
300 avaliações
0,28 km de distância
Grand Himalaya
158 avaliações
0,38 km de distância
Hotel Togochey
5 avaliações
0,39 km de distância
Hotel Royal Plaza
8 avaliações
0,49 km de distância
Restaurantes próximosVeja todos os 132 restaurantes perto
Neha Snacks
193 avaliações
0,54 km de distância
Sorriso Pizza & Meal Mastiyaan
31 avaliações
0,71 km de distância
Il Forno
191 avaliações
0,63 km de distância
Coffee Culture
45 avaliações
0,61 km de distância
Atrações próximasVeja todas as 137 atrações perto
Monastery Circuit
58 avaliações
0,81 km de distância
Namgyal Tsemo Monastery
66 avaliações
0,02 km de distância
Leh Royal Palace
798 avaliações
0,36 km de distância
Perguntas e respostas
Os funcionários e antigos clientes da empresa respondem rápido a dúvidas sobre Namgyal Tsemo Gompa.
Observação: a sua pergunta poderá ser vista por todas as pessoas na página do perguntas e respostas.
Enviar
Diretrizes de publicação