Pico Do Itaguaré
Pico Do Itaguaré - Passa Quatro
4.5

Principais maneiras de aproveitar atrações por perto


4.5
4,5 de 5 círculos25 avaliações
Excelente
17
Muito boa
7
Razoável
1
Ruim
0
Horrível
0

Marcelo O
São Paulo, SP40 contribuições
5,0 de 5 círculos
mai. de 2024 • A sós
Fizemos um trilha de 2 dias, subida, ataque ao cume, por do sol, camping, nascer do sol e descida. Foi lindo! No nascer do sol vimos a Serra Fina, Parque Nacional do Itatiaia, Serra dos Órgãos, Serra da Bocaina e Cachoeira Paulista!
Feita em 19 de maio de 2024
Esta avaliação representa a opinião subjetiva de um membro da comunidade do Tripadvisor e não da Tripadvisor LLC. O Tripadvisor verifica as avaliações.

SERRA FINA ADVENTURE
Cruzeiro, SP17 contribuições
5,0 de 5 círculos
mai. de 2022
Lugar muito bom para pratica de hiking e trekking , o pico tem 2308 de altura e tem otimos locais para acampamentos
Feita em 27 de fevereiro de 2023
Esta avaliação representa a opinião subjetiva de um membro da comunidade do Tripadvisor e não da Tripadvisor LLC. O Tripadvisor verifica as avaliações.

Rodrigo-Frossard
Juiz de Fora, MG615 contribuições
5,0 de 5 círculos
set. de 2021
Fiz a Travessia Marins x Itaguaré e chegamos já ao final do dia no acampamento base. Ficamos no "camping de cima", logo depois de passar o ponto de água a direita, lugar top, cabe várias barracas. Decidimos ficar ali e descansar e atacar o cume no dia seguinte. O ponto de água fica um pouco longe, então leve bastante água (a água não é muito boa, leve clorin). O ataque ao cume é bem tranquilo até o pulo do gato, lugar que requer muita atenção para ser ultrapassado. Do pulo do gato em diante até o topo, todo o percurso requer muita atenção para evitar acidentes. Na pedra final se tiver uma corda, vai facilitar muito. No cume cabe até 6 pessoas tranquilo, mais começa a ficar perigoso. Do Itaguaré é possível avistar toda Serra Fina, Marinsinho, Marins e todo Vale do Paraíba (até a basílica de Aparecida do Norte), que visual irado !!!
Feita em 9 de outubro de 2021
Esta avaliação representa a opinião subjetiva de um membro da comunidade do Tripadvisor e não da Tripadvisor LLC. O Tripadvisor verifica as avaliações.

Joana Marini
Americana, SP84 contribuições
5,0 de 5 círculos
jul. de 2021 • A sós
Consegui chegar ao cume justamente ao nascer do sol, que vista maravilhosa.
Ao contrário do que algumas avaliação aqui alardeiam:SUBIR AO ITAGUARE NÃO É PARA INICIANTES E NÃO É SEGURO SEM GUIA.
Corro montanhas, já estive na Serra Fina e outras serras de moderada a alta dificuldade técnica e não achei Itaguaré “fácil”. Fui com guia muito experiente e ficamos bastante preocupados com a imensa quantidade de pessoas iniciantes e sem guia tentando subir.
O terreno com pedras íngremes, subida de grande inclinação deixam o percurso lindo, delicioso, porém desafiador.
A travessia para Marins ou vice-versa é incrível e vale a pena.
Mesmo se você for correr (e se prepare, não é lugar que dá pra desenvolver bastante), pare e aprecie a natureza.
Feita em 11 de julho de 2021
Esta avaliação representa a opinião subjetiva de um membro da comunidade do Tripadvisor e não da Tripadvisor LLC. O Tripadvisor verifica as avaliações.

Toronho ze
8 contribuições
5,0 de 5 círculos
mai. de 2021 • Amigos
Trilha tranquila e visual do pico extraordinário...para quem não está acostumado é essencial um guia, para chegar ao cume real muito cuidado na famosa travessia do pulo do gato, visual maravilhoso ...muito bom ...
Feita em 17 de maio de 2021
Esta avaliação representa a opinião subjetiva de um membro da comunidade do Tripadvisor e não da Tripadvisor LLC. O Tripadvisor verifica as avaliações.

Filipe Marques
São Paulo, SP10 contribuições
5,0 de 5 círculos
set. de 2018
Trilha autoguiada, muito tranquila mesmo para iniciantes. A paisagem do cume é excepcional, e é possível também fazer a travessia até o Pico dos Marins.
Para atingir o cume real muito cuidado no trecho do "cavalinho".
Espaço de sobra para barracas, em local plano e bem abrigado.
Feita em 8 de novembro de 2018
Esta avaliação representa a opinião subjetiva de um membro da comunidade do Tripadvisor e não da Tripadvisor LLC. O Tripadvisor verifica as avaliações.

Anderson ''Andy'' Costa
Guarulhos, SP2.572 contribuições
5,0 de 5 círculos
out. de 2018 • Amigos
Essa magnífica, linda e imponente montanha encontra-se destacavelmente na divisa dos municípios de Passa Quatro e Cruzeiro, e mais próxima é a da pequena cidade mineira de Marmelópolis.
O nome Itaguaré pode significar "pedra sagrada" ou mesmo "pedra rachada" em língua tupi. Suas encostas são íngremes e conforme a altitude aumenta, ficam cada vez mais escarpadas.
Da cidade de Cruzeiro, avista-se o pico em todo seu contorno, tendo este a aparência de um "gigante deitado". É carinhosamente apelidado de "Gigante Adormecido". A região do pico do Itaguaré é praticamente deserta e desconhecida. A montanha é inóspita, com ventos extremamente fortes e noites de inverno em que se registram temperaturas negativas.
Também fica no pico do Itaguaré a chamada "Toca das Andorinhas", uma pequena caverna que refugia milhares dessas aves, ali muito dóceis. Seu acesso é difícil, conhecido apenas pelos raros nativos da região ao redor do pico.
Uma "escalaminhada" da chamada e famosa Travessia Marins x Itaguaré de cerca de 3 dias que vem despontando recentemente, exige um excelente preparo físico. Há relatos de alguns montanhistas que realizaram o percurso em apenas um dia, mas isso é recomendado apenas para os muito experientes (nível deus rs), devido às condições difíceis da trilha, cheias de montanhas, áreas alagadas, vegetação muito alta e escassez de água potável, sem pontos determinados para encher as garrafas.
A montanha é bela, enorme e imponente se destaca consideravelmente naquele imenso Vale, além do Pico do Itaguaré durante a Travessia encontrará o Pico dos Marins, o Pico do Marinzinho e a curiosa formação da Pedra Redonda (que de redonda só no nome mesmo).
Um trekking apenas para experientes e com excelente condicionamento físico pois há muitosssssssssssssssss lances de escalaminhada, escaladas e subidas íngremes, além do mais a navegação é muito confusa e difícil onde facilmente se perderia se não tiver uma noção de GPS.
Fiquei feliz por ter realizado essa incrível Travessia, ela estava na minha lista de ‘’PRIORIDADES MÁXIMA’’.
Recomendo fielmente os serviços prestados pela agência Root´s, que nos conduziu com segurança, equipamentos e eficiência.
Mas atente-se novamente na chamada ‘’VÁ SE TIVER CORAGEM E PREPARO’’ pois é bemmmmmm Hard o percurso.
Feita em 4 de novembro de 2018
Esta avaliação representa a opinião subjetiva de um membro da comunidade do Tripadvisor e não da Tripadvisor LLC. O Tripadvisor verifica as avaliações.

Camila R
São Paulo, SP708 contribuições
4,0 de 5 círculos
set. de 2017 • A sós
Foi no Itaguaré que fiz uma iniciação ao montanhismo e adorei! Já fazia umas trilhas, mas não levava muito a sério, no Itaguaré vi que o montanhismo é possível e muito legal: adorei. Recomendo. Claro, com bota e cargueira adequadas, guia é recomendado. E nada de deixar sujeira na mata! Tem que trazer de volta no "Shitube". Fui com a Andar Outdoor, muito cuidadosa e profissional.
Feita em 30 de dezembro de 2017
Esta avaliação representa a opinião subjetiva de um membro da comunidade do Tripadvisor e não da Tripadvisor LLC. O Tripadvisor verifica as avaliações.

Wander Sampaio
São José dos Campos, SP193 contribuições
5,0 de 5 círculos
jun. de 2017 • Amigos
A trilha faz parte da chamada travessia transmantiqueira e envolve uma série de picos na Serra da Mantiqueira. Ela não é aconselhada para pessoas sem experiência, seja pela dificuldade física seja pelo conhecimento sobre navegação em áreas montanhosas, mas vale muito a pena.
Se você tem GPS, é interessante encontrar os track logs em sites especializados e se preparar, há muitos por aí. Não tem água no caminho, por isso vá abastecido. É possível fazer a trilha pelo Itaguaré e terminar no Marins, para isso reserve 3 dias de trilha para os menos acostumados.
Se você enfrentar a muralha, opte por acampar em sua base, o pôr do sol, a noite e o nascer do sol são um espetáculo à parte, já que todo o lugar é espetacular. Não o subestime, pois é fácil se meter em encrenca nas trilhas e escalaminhadas até o pico.
Feita em 4 de julho de 2017
Esta avaliação representa a opinião subjetiva de um membro da comunidade do Tripadvisor e não da Tripadvisor LLC. O Tripadvisor verifica as avaliações.

Lilian F
São Paulo42 contribuições
5,0 de 5 círculos
jun. de 2017 • Amigos
Caminhada de dificuldade média, no início há bastante degraus no meio da mata. Depois a caminhada começa no meio das pedras. Precisa ter coragem para passar em algumas parte de abismo! Eu gostei que não estava lotado como Itatiaia ou Pico dos Marins.
Feita em 3 de julho de 2017
Esta avaliação representa a opinião subjetiva de um membro da comunidade do Tripadvisor e não da Tripadvisor LLC. O Tripadvisor verifica as avaliações.

Mostrando 110 de 25 resultados
Este é o seu perfil do Tripadvisor?
Você é o proprietário ou o gerente deste estabelecimento? Solicite o seu perfil gratuito para responder a avaliações, atualizar o seu perfil e muito mais.
Solicite o seu perfil

Pico Do Itaguaré - O que saber antes de ir (ATUALIZADO Maio 2024)

Coisas a fazer em Passa Quatro
RestaurantesVoosAluguéis de temporadaHistórias de viagemCruzeirosLocação de veículos