Todos os artigos 10 parques nacionais incríveis na América do Sul para incluir na sua lista de destinos imperdíveis
Nevado Sajama

10 parques nacionais incríveis na América do Sul para incluir na sua lista de destinos imperdíveis

Se você precisa de mais motivos, os dez parques nacionais a seguir vão instigar você a incluir a América do Sul na sua lista de destinos imperdíveis.

Ashley Rossi
Por Ashley Rossi11 de mar. de 2021

Parque Nacional Natural Tayrona, Colômbia

Relaxing beach view in Tayrona National Park, Magdalena, Colombia
Datingscout, Unsplash

Localizado no litoral caribenho da Colômbia a uma hora de carro da boêmia cidade litorânea de Santa Marta, esse é um dos parques nacionais mais incríveis da América do Sul. Com uma costa intocada e quilômetros de fauna e flora, Tayrona é o refúgio ideal para entrar em modo offline com muitas opções de atividades. Lá, é possível fazer caminhadas para observar a fauna nativa, como o bugio-vermelho, o macaco-prego, o sagui-cabeça-de-algodão, o sapo-ponta-de-flecha, iguanas e muito mais. Além disso, você pode mergulhar com snorkel para observar os recifes de corais ou relaxar nas praias desertas.

Parque Nacional de Jericoacoara, Brasil

Dunes of Jericoacoara National Park
Mario Math, Tripadvisor

Conhecido por suas dunas impressionantes, o Parque Nacional de Jericoacoara conta com lagoas pluviais e uma praia protegida, sendo muito procurado por praticantes de kitesurf e windsurf. Você pode explorar o parque a cavalo, de buggy ou descer o rio de canoa enquanto observa cavalos-marinhos. A Vila de Jericoacoara também é um destino e oferece muitas opções de acomodação, que vão de resorts de luxo a campings descontraídos. Não perca a chance de tirar uma foto do pôr do sol na Pedra Furada, uma famosa rocha em formato de arco. Seus seguidores vão amar.

Parque Nacional Marinho de Fernando de Noronha, Brasil

Fernando de Noronha Marine National Park
Beto Q, Tripadvisor

As ilhas e rochedos de origem vulcânica do Parque Nacional de Fernando de Noronha ficam localizados a aproximadamente 350 km da costa do Brasil. Lá, você descobrirá a fauna nativa, que inclui golfinhos, arraias, tartarugas marinhas, tubarões, aves marinhas e peixes tropicais, além de conhecer algumas das melhores praias do Brasil (e, quiçá, do mundo), como a Praia do Atalaia. No parque, há cinco trilhas demarcadas que podem ser exploradas com uma permissão e um guia.

Dica: o parque aceita um número máximo de visitantes por vez, portanto, faça suas reservas com antecedência.

Parque Nacional do Iguaçu, Argentina e Brasil

Iguazu Falls in Iguazu National Park
ani19, Tripadvisor

Localizadas na fronteira entre o Brasil e a Argentina, as cataratas impressionantes têm quase 3 km de extensão. Há vários caminhos para conhecer as cascatas: a Garganta do Diabo, uma das sete maravilhas da natureza no mundo, fica no lado argentino do parque e pode ser acessada por meio de uma trilha na floresta. O lado brasileiro é perfeito para amantes de caminhadas, com uma trilha tranquila de 40 minutos que leva às cachoeiras.

Parque Nacional Sajama, Bolívia

Nevado Sajama
jahlrep, Tripadvisor

Para quem ama adrenalina e atividades ao ar livre, o Parque Nacional Sajama conta com os vulcões nevados da Bolívia, sendo o Navajo Sajama o maior deles, termas quentes, gêiseres, muitas lhamas e alpacas, além da acolhedora comunidade Aimará. Conheça essa paisagem andina durante a estação seca, entre abril e novembro. É recomendável viajar com uma operadora de turismo.

Parque Nacional Los Roques, Venezuela

Los Roques National Park

Extensos recifes de corais, praias de areias brancas e águas mornas fazem com que esse seja o maior parque marinho do mar do Caribe. Localizadas a aproximadamente 130 km de Caracas, capital da Venezuela, as mais de 300 ilhas atraem visitantes que buscam um local para praticar kitesurf, mergulho e pesca esportiva.

Parque Nacional Rapa Nui, Chile

Easter Island, Île de Pâques, Chili
Sophie The Laya Yogis, Unsplash

Esse parque nacional, também conhecido como Ilha de Páscoa, é considerado Patrimônio Mundial da Humanidade pela UNESCO. Como é um dos locais mais isolados do mundo, o acesso não é tão fácil, mas vale a pena incluí-lo na sua lista de destinos. A ilha, que fica a cerca de cinco horas de avião da porção continental do Chile, abrigou o povoado polinésio que fez as esculturas misteriosas espalhadas pelo local. A história da ilha e os moais continuam a fascinar visitantes e arqueólogos.  Além desses locais místicos, o parque conta com vulcões e praias lindas.

Parque Nacional Galápagos, Equador

Great blue heron, Galapagos Islands, Ecuador
Amy Perez, Unsplash

Em Galápagos, 97% das ilhas tem status de parque nacional. Esse é um destino imperdível para aventureiros. Você pode explorar o local em um cruzeiro ou ficar na ilha principal de Santa Cruz. Seja qual for a sua escolha, você conhecerá uma fauna selvagem incrível e uma população acolhedora. Os leões-marinhos serão seus anfitriões assim que desembarcar, e você poderá fazer caminhadas pelos vulcões, nadar com tubarões-baleia e interagir com a comunidade local em ilhas como Floreana. A Estação Científica Charles Darwin, em Santa Cruz, é um local que atrai turistas, mas há muitos outros projetos de conservação da vida selvagem nas outras ilhas. Não deixe de mergulhar em Las Grietas, um conjunto de piscinas naturais entre duas formações rochosas, que também fica em Santa Cruz. 

Parque Arqueológico de Choquequirao, Peru

4000 meters above sea level at Choquequirao National Park
Sony Touche S, Tripadvisor

Se você busca uma trilha no Peru que se compara a Machu Picchu e não fica tão cheia, é melhor incluir na sua lista de destinos o Choquequirao, que significa “berço do ouro”. Acessível somente por uma caminhada de três dias de duração, esse sítio arqueológico é para os fortes. Pense em todas as fotos lindas que você vai publicar no Instagram! A beleza dessa cidade perdida? É menor do que Machu Picchu, mas nunca fica lotada.

Parque Nacional Los Glaciares, Argentina

Perito Moreno Glacier
Yuriy Y, Tripadvisor

Próximo à fronteira Chilena da Patagônia, o Parque Nacional Los Glaciares, como o nome sugere, é conhecido por seus glaciares. Talvez você já tenha visto vídeos do ponto de referência mais famoso do parque, o Glaciar Perito Moreno. Graças à sua movimentação constante, ele forma cascatas de gelo impressionantes. Você pode se hospedar em duas cidades: El Calafate, considerada a porta de entrada do parque, e El Chalten, que fica no pé do Monte Fitz Roy, uma montanha de granito.

Este artigo foi publicado originalmente em Jetsetter.com