O seu navegador não é compatível. O site TripAdvisor poderá não ser exibido corretamente.
Aceitamos os seguintes navegadores:
Windows: Internet Explorer, Mozilla Firefox, Google Chrome. Mac: Safari.

Areia que Canta

Endereço: Fazenda Tamanduá | Acesso pelo Km 124,5 da SP-225 (direção Itirapina), Brotas, Estado de São Paulo, Brasil
Número de telefone: (14) 3653-1382
Site
Aprimore este perfil
84%
5 de 24 o que fazer em Brotas
Certificado de Excelência de 2014
Tipo: Locais com vida selvagem e natureza, Natureza e parques
Detalhes da atração
Tipo: Locais com vida selvagem e natureza, Natureza e parques
Faça sua avaliação Multiplus arrow

233 avaliações de viajantes

Pontuações dos visitantes
    114
    84
    28
    5
    2
Data | Pontuação
  • Inglês primeiro
  • Português primeiro
  • Qualquer
  • Avaliações recentes em português
Português primeiro
Campinas, SP
Colaborador Mestre
50 avaliações 50 avaliações
19 avaliações sobre atrações
53 votos úteis 53 votos úteis
4 de 5 estrelas Avaliou em 27 de Fevereiro de 2015 NOVO

Fomos em família com crianças pequenas e no momento da reserva não nos avisaram que precisava ir de sapato fechado para fazer a segunda parte do passeio, então fomos até a prainha apenas. A água é bem gelada mas eu gostaria de ter ficado mais tempo aproveitando o espaço natural. A prainha é bem legal mas as crianças cansaram no... Mais 

Esta avaliação foi útil? Sim
Rio de Janeiro, RJ
Colaborador Mestre
85 avaliações 85 avaliações
39 avaliações sobre atrações
49 votos úteis 49 votos úteis
4 de 5 estrelas Avaliou em 20 de Fevereiro de 2015

A visita é muito legal, entrar na água é uma delícia. Vale a pena conhecer o local e usufruir desta nova experiência.

Esta avaliação foi útil? Sim 1
São Paulo, SP
Colaborador Avançado
38 avaliações 38 avaliações
10 avaliações sobre atrações
29 votos úteis 29 votos úteis
5 de 5 estrelas Avaliou em 20 de Fevereiro de 2015

Vale a pena essa experiência de visitar esse local é lindo. Gostei do espaço, bem organizado, tem restaurante, Você passa o dia todo se quiser. O aguifero é demais e tem algumas cascatas por lá.

Esta avaliação foi útil? Sim 1
Colaborador
5 avaliações 5 avaliações
3 avaliações sobre atrações
6 votos úteis 6 votos úteis
5 de 5 estrelas Avaliou em 19 de Fevereiro de 2015

Fazer a caminhada contemplando a natureza é tudo de bom chegar em um pico de aguá transparente e natural que você possa entrar e desfrutar o que a natureza da sem maltratar tirar o som de uma porção de areia é privilégio para poucos...

Esta avaliação foi útil? Sim
Jundiaí, SP
Colaborador Intermediário
16 avaliações 16 avaliações
5 avaliações sobre atrações
13 votos úteis 13 votos úteis
5 de 5 estrelas Avaliou em 19 de Fevereiro de 2015

Trilha leve, nascentes fantásticas (olhos d'água) apesar da água muito gelada e estrutura excelente. Tem opções para muitas atividades dentro do complexo, inclusive hotel. Importante agendar horário.

Esta avaliação foi útil? Sim
Belo Horizonte, MG
Colaborador Avançado
46 avaliações 46 avaliações
18 avaliações sobre atrações
16 votos úteis 16 votos úteis
4 de 5 estrelas Avaliou em 19 de Fevereiro de 2015

Não fiquei hospedada no hotel fazenda Areias que Cantam, fiz o passeio para conhecer as Areias que Cantam através de uma agência de Brotas. Vale a pena, o local é muito bonito, água é cristalina e a história é muito curiosa.... a areia canta de verdade! Indico o passeio....

Esta avaliação foi útil? Sim
São Paulo, SP
Colaborador Júnior
7 avaliações 7 avaliações
4 avaliações sobre atrações
5 votos úteis 5 votos úteis
2 de 5 estrelas Avaliou em 19 de Fevereiro de 2015

Um lugar muito bonito, os guias do dia não estavam muito a fim de fazer o passeio e como o rio estava cheio não fizeram nenhuma atividade. É outro lugar que eu não voltaria.

Esta avaliação foi útil? Sim
São Paulo, SP
Colaborador Intermediário
12 avaliações 12 avaliações
7 avaliações sobre atrações
14 votos úteis 14 votos úteis
5 de 5 estrelas Avaliou em 19 de Fevereiro de 2015

Um dos lugares mais lindos que pude conhecer em Brotas. Para entrar no hotel fazenda - onde está a Areia que Canta, você desembolsa R$ 45 (com opção de pagar pelo passeio guiado a Areia que Canta, hidromassagem natural e prainha ou de comer à vontade no restaurante - delicioso, por sinal). Meus amigos e eu optamos por comprar o... Mais 

Esta avaliação foi útil? Sim 1
Colaborador Júnior
9 avaliações 9 avaliações
5 avaliações sobre atrações
7 votos úteis 7 votos úteis
3 de 5 estrelas Avaliou em 19 de Fevereiro de 2015

O nome é muito chamativo, voce logo imagina uma areia que fica "cantando", quando na verdade é um material que quando entra em atrito faz barulho, mas pra isso voce precisa ocasionar o atrito, fora que a água aonde formam as bolhas e voce flutua não passa de outra ilusão. Nao vale a pena conhecer

Esta avaliação foi útil? Sim
Poços de Caldas, MG
Colaborador Mestre
134 avaliações 134 avaliações
62 avaliações sobre atrações
50 votos úteis 50 votos úteis
4 de 5 estrelas Avaliou em 18 de Fevereiro de 2015

Vale o passeio apenas para observar a nascente do aquífero Guarani. A água brota do chão e forma uma piscina onde entram seis pessoas por vez. A areia canta quando é atritada com ela mesma, fazendo o som de uma cuíca.

Esta avaliação foi útil? Sim

Já esteve em Areia que Canta? Compartilhe suas experiências!

Proprietários: qual é o seu lado da história?

Cadastre-se agora mesmo. É grátis! Receba notificações automáticas sobre novas avaliações, responda aos comentários dos viajantes, carregue fotos para o perfil do seu estabelecimento e muito mais.

Gerenciar seu perfil

Perguntas e respostas

Estas são as perguntas feitas por antigos clientes e as respostas dos representantes de Areia que Canta e de outros clientes
2 perguntas
Faça uma pergunta
Araraquara, São Paulo, Brazil
Araraquara, São Paulo, Brazil

Ver todas as perguntas (2)

Dúvidas? Os funcionários e antigos clientes de Areia que Canta respondem às suas perguntas.
Diretrizes de publicação
Perguntas mais comuns:
  • Preciso comprar ingresso para bebês?
  • Como posso chegar ao estabelecimento usando transporte público?
  • Há algum restaurante ou café no local?