O seu navegador não é compatível. O site TripAdvisor poderá não ser exibido corretamente.
Aceitamos os seguintes navegadores:
Windows: Internet Explorer, Mozilla Firefox, Google Chrome. Mac: Safari.
Aprimore este perfil
Mapa
Satélite
A atualização do mapa foi interrompida. Aumente o zoom para ver as informações atualizadas.
Redefinir o zoom
Atualizando mapa…
Os filtros ainda estão ativos.
Não há pinos nesta área do mapa. Mova o mapa ou altere os filtros.
Como chegar
Endereço: Luxor, Egito

Destaques dos colaboradores do TripAdvisor

Leia todas as 34 avaliações
Pontuações dos visitantes
  • 21
    Excelente
  • 11
    Muito bom
  • 2
    Razoável
  • 0
    Ruim
  • 0
    Horrível
Obra-prima.

No templo de Karnak pode-se encontrar este magnífico e imponente obelisco, ele é menor que o obelisco de hatepshut mas também é magnifico.

5 de 5 estrelasAvaliou em 9 de Abril de 2015
Alejandro_Torales
,
Florianópolis, SC
Adicionar fotos Faça sua avaliação

34 avaliações feitas pela comunidade do TripAdvisor

Data | Pontuação
  • Alemão primeiro
  • Espanhol primeiro
  • Holandês primeiro
  • Inglês primeiro
  • Japonês primeiro
  • Português primeiro
  • Russo primeiro
  • Qualquer
  • Avaliações recentes em português
Português primeiro
Brasília, DF
Colaborador Mestre
329 avaliações 329 avaliações
159 avaliações sobre atrações
63 votos úteis 63 votos úteis
3 de 5 estrelas Avaliou em 23 de Abril de 2015

É um dos obeliscos no templo de Karnak, que valeria a visita pelo conjunto de obras, um guia ajuda bastante no passeio.

Esta avaliação foi útil? Sim
Florianópolis, SC
Colaborador Mestre
315 avaliações 315 avaliações
221 avaliações sobre atrações
62 votos úteis 62 votos úteis
5 de 5 estrelas Avaliou em 9 de Abril de 2015

No templo de Karnak pode-se encontrar este magnífico e imponente obelisco, ele é menor que o obelisco de hatepshut mas também é magnifico.

Esta avaliação foi útil? Sim
Colaborador Mestre
270 avaliações 270 avaliações
152 avaliações sobre atrações
45 votos úteis 45 votos úteis
5 de 5 estrelas Avaliou em 28 de Março de 2015

Este Templo de karnak nos oferece a rara oportunidade de vermos ao vivo este famoso obelisco de Tutmosis intacto, pois os outros foram danificados. Eles apontam para o céu agradecendo aos deuses pelas suas graças epor isso ficavam na entrada original do templo.

Esta avaliação foi útil? Sim
Alto Paraíso de Goiás, GO
Colaborador Mestre
174 avaliações 174 avaliações
88 avaliações sobre atrações
42 votos úteis 42 votos úteis
5 de 5 estrelas Avaliou em 19 de Março de 2015

nenhuma foto ou livro substitui a experiencia de estar diante deste colossal monolito, rodeado de misterios, lendas e força. suas inscrições são belíssimas.

Esta avaliação foi útil? Sim
Ribeirão Preto, SP
Colaborador Mestre
53 avaliações 53 avaliações
49 avaliações sobre atrações
7 votos úteis 7 votos úteis
4 de 5 estrelas Avaliou em 18 de Março de 2015

O Obelisco de Tutmosis I no Templo de Karnak é o único que ainda está de pé dos quatro obeliscos que existiam inicialmente e que representavam a entrada original do Templo. Mesmo sendo o único que restou, continua sendo uma obra maravilhosa do antigo Egito.

Esta avaliação foi útil? Sim
Petrópolis, RJ
Colaborador Mestre
241 avaliações 241 avaliações
164 avaliações sobre atrações
62 votos úteis 62 votos úteis
5 de 5 estrelas Avaliou em 14 de Março de 2015

Este Obelisco é dos marcos dos Faraós egipcios afim de homenagear, agradecer e receber graças de seus deuses. A história é interessantíssima, por isso é melhor realizar o passeio com um bom guia.

Esta avaliação foi útil? Sim
Alto Paraíso de Goiás, GO
Colaborador Mestre
184 avaliações 184 avaliações
29 avaliações sobre atrações
46 votos úteis 46 votos úteis
5 de 5 estrelas Avaliou em 28 de Fevereiro de 2015

Uma coisa ~e ver esse obelisco na foto, outra coisa e vê-lo de perto, uma verdadeira experiencia estar diante desse monumento milenar.

Esta avaliação foi útil? Sim
Alto Paraíso de Goiás, GO
Colaborador Mestre
249 avaliações 249 avaliações
113 avaliações sobre atrações
36 votos úteis 36 votos úteis
4 de 5 estrelas Avaliou em 28 de Fevereiro de 2015

É realmente um privilégio poder ver estes obeliscos ao vivo e extremamente bem conservados, muitos poucos obeliscos permanecem em pé no Egito, entao vale muito a pena conferir.

Esta avaliação foi útil? Sim
Rio de Janeiro, RJ
Colaborador Mestre
75 avaliações 75 avaliações
48 avaliações sobre atrações
12 votos úteis 12 votos úteis
5 de 5 estrelas Avaliou em 14 de Dezembro de 2014

Há apenas dois obeliscos que permanecem de pé dentro Templo de Karnak: o da Hatshepsut e o de Tutmósis I que foi um relevante faraó egípcio. Além destes dois, há ainda um caído ao chão também, todos os quais podem ser vistos na minha foto. Neles três, os hieróglifos estão em excelente estado de conservação e o que está caído... Mais 

Esta avaliação foi útil? Sim
Rio de Janeiro, RJ
Colaborador Mestre
251 avaliações 251 avaliações
164 avaliações sobre atrações
67 votos úteis 67 votos úteis
5 de 5 estrelas Avaliou em 11 de Novembro de 2014

O Obelisco de Thutmoses ou Tutmés I está localizado dentro do templo de Karnak em Luxor. Este templo é o maior complexo de todos os tempos da história egípcia. Ele foi o principal local de culto aos deuses de Tebas: Amon, Mut e Khonsu, e atingiu o seu apogeu durante a XVIII dinastia, após Tebas se tornar a capital do... Mais 

Esta avaliação foi útil? Sim

Os viajantes que viram Obelisk of Thutmoses I, também viram

 
Luxor, Vale do Rio Nilo
 

Já esteve em Obelisk of Thutmoses I? Compartilhe suas experiências!

Proprietários: qual é o seu lado da história?

Cadastre-se agora mesmo. É grátis! Receba notificações automáticas sobre novas avaliações, responda aos comentários dos viajantes, carregue fotos para o perfil do seu estabelecimento e muito mais.

Gerenciar seu perfil

Perguntas e respostas

Dúvidas? Os funcionários e antigos clientes de Obelisk of Thutmoses I respondem às suas perguntas.
Diretrizes de publicação
Perguntas mais comuns:
  • Preciso comprar ingresso para bebês?
  • Como posso chegar ao estabelecimento usando transporte público?
  • Há algum restaurante ou café no local?