O seu navegador não é compatível. O site TripAdvisor poderá não ser exibido corretamente.
Aceitamos os seguintes navegadores:
Windows: Internet Explorer, Mozilla Firefox, Google Chrome. Mac: Safari.

Templo Pashupatinath

Gausala | Pashupati, Catmandu 8349, Nepal
Aprimore este perfil
Tipo: Locais religiosos
470 fotos do visitante
Faça sua avaliação Multiplus

1.231 avaliações de viajantes

Pontuações dos visitantes
    662
    366
    144
    38
    21
Data | Pontuação
  • Alemão primeiro
  • Chinês (tradicional) primeiro
  • Chinês (simplificado) primeiro
  • Dinamarquês em primeiro
  • Espanhol primeiro
  • Finlandês primeiro
  • Francês primeiro
  • Grego primeiro
  • Holandês primeiro
  • Inglês primeiro
  • Italiano primeiro
  • Japonês primeiro
  • Polonês em primeiro
  • Português primeiro
  • Russo primeiro
  • Sueco primeiro
  • Turco em primeiro
  • Qualquer
  • Avaliações recentes em português
Português primeiro
Brasil
Colaborador Avançado
42 avaliações 42 avaliações
19 avaliações sobre atrações
8 votos úteis 8 votos úteis
5 de 5 estrelas Avaliou em Agosto 31, 2014

Vale a pena ir se voce tem estômago forte! É o maior templo hindu do mundo onde se fazem as cremações. Vá preparado para voltar com a roupa, os cabelos e as narinas impregnadas pela fumaça de carne queimada.

Esta avaliação foi útil? Sim
São Paulo, SP
Colaborador Mestre
85 avaliações 85 avaliações
18 avaliações sobre atrações
32 votos úteis 32 votos úteis
3 de 5 estrelas Avaliou em Junho 20, 2014

Eu particularmente não gostei muito. O preço não é baixo RS1.000 (aprox. 10 USD) e não hindus não podem entrar nos templos. A parte da "forte experiência" vem da parte da cremação. Os corpos são preparados e cremados a céu aberto, sendo que podemos ver tudo. Se não bastasse, é possível sentir o cheiro de queimado e as pessoas estão... Mais

Esta avaliação foi útil? Sim
Rio de Janeiro, RJ
Colaborador Mestre
480 avaliações 480 avaliações
282 avaliações sobre atrações
311 votos úteis 311 votos úteis
3 de 5 estrelas Avaliou em Junho 6, 2014

Não acho que vale a pena, por pagarmos um preço relativamente caro (para Kathmandu) para não poder entrar nos principais templos. O custo para entrar é de 1.000 rúpias (10 USD), e, ainda assim, vc não tem acesso aos dois principais templos. Ambos são reservados somente para hindus, mas na prática ambos são vedados a visita de estrangeiros (locais, sejam... Mais

Esta avaliação foi útil? Sim
São Paulo, SP
Colaborador Mestre
98 avaliações 98 avaliações
51 avaliações sobre atrações
25 votos úteis 25 votos úteis
3 de 5 estrelas Avaliou em Maio 31, 2014

O lugar é interessante pelos templos e pela experiência que sem tem em conhecer o ritual fúnebre de uma cultura tão diferente da nossa. Eu já tinha visto a cerimônia de cremação dos hindus no rio Ganges em Varanasi, na Índia, mas só tinha visto as piras queimando. Aqui em Pashupatinath, além das piras, eu assisti a preparação dos corpos... Mais

Esta avaliação foi útil? Sim
São Paulo, SP
Colaborador Mestre
145 avaliações 145 avaliações
40 avaliações sobre atrações
44 votos úteis 44 votos úteis
5 de 5 estrelas Avaliou em Abril 26, 2014

Mais uma das várias maravilhas do vale de Kathmandu, este é um dos passeios obrigatórios para se fazer enquanto na cidade. Além dos templos e do ambiente em geral, outro destaque são os sadus (ou "santos") que ficam posando para fotos e pedindo dinheiro. Podem ser um pouco malandros com você (principalmente se perceberem que vc não está interessado em... Mais

Esta avaliação foi útil? Sim
São Paulo, SP
Colaborador Avançado
42 avaliações 42 avaliações
30 avaliações sobre atrações
12 votos úteis 12 votos úteis
1 de 5 estrelas Avaliou em Abril 18, 2014

Eu imagino que o templo seja bonito; mas estrangeiros não podem entrar. Nós só temos acesso ao crematório às margens de um rio sagrado que está seco. É um templo dedicado à Shiva, Senhor dos Animais.

Esta avaliação foi útil? Sim
Santos, São Paulo, Brazil
Colaborador Avançado
23 avaliações 23 avaliações
12 avaliações sobre atrações
5 votos úteis 5 votos úteis
5 de 5 estrelas Avaliou em Abril 4, 2014

O templo mais sagrado de Nepal. local de cremação dos mortos de religião Indy. Ao mesmo tempo que surpreende, comove até os que não seguem a religião.

Esta avaliação foi útil? Sim
Campinas, SP
Colaborador Mestre
52 avaliações 52 avaliações
31 avaliações sobre atrações
7 votos úteis 7 votos úteis
3 de 5 estrelas Avaliou em Fevereiro 21, 2014

Fiquei muito impressionado com os inumeros deuses e templos do Nepal, com suas altas montanhas e rios abundantes, seu povo simples e simpatico. Oro para que eles se voltem para Jesus, o Único que pode realmrente salvar da morte eterna e da destruição de shiva o deus da morte.

Esta avaliação foi útil? Sim
São Paulo, SP
Colaborador Mestre
109 avaliações 109 avaliações
57 avaliações sobre atrações
34 votos úteis 34 votos úteis
4 de 5 estrelas Avaliou em Janeiro 6, 2014

Chegar ao Templo Pashupatinath, dedicado ao deus hindu Shiva, já dando de cara com as piras de cremação já revela um pouco da intensidade da visita a este local tombado pela Unesco. Apesar do templo principal ser aberto somente a hindus, é possível passear no complexo de muitos templinhos dedicados a vários Shiva Lingans. Enfim, intenso.

Esta avaliação foi útil? Sim
Sorocaba, SP
Colaborador Mestre
82 avaliações 82 avaliações
24 avaliações sobre atrações
27 votos úteis 27 votos úteis
4 de 5 estrelas Avaliou em Dezembro 28, 2013

Imersão nos costumes locais: o templo fica ao lado do rio, de onde pode-se assistir ao vivo às cremações. Muito interessante mas é preciso ter estômago forte e mente aberta.

Esta avaliação foi útil? Sim

Os viajantes que viram Templo Pashupatinath, também viram

Catmandu, Kathmandu Valley
Catmandu, Kathmandu Valley
 
Catmandu, Kathmandu Valley
 

Já esteve em Templo Pashupatinath? Compartilhe suas experiências!

Você é o proprietário ou o gerente de Templo Pashupatinath?

Cadastre-se agora mesmo. É grátis! Receba notificações automáticas sobre novas avaliações, responda aos comentários dos viajantes, carregue fotos para o perfil do seu estabelecimento e muito mais.

Gerenciar seu perfil